Rally dos Amigos segurou a adrenalina e o suspense até o último segundo

Rally dos Amigos segurou a adrenalina e o suspense até o último segundo

Quando um competidor entra em uma disputa, ele entra para vencer, principalmente em uma etapa de final de campeonato. E a edição dos 20 anos do Rally dos Amigos foi bonita, pois sobrou rivalidade e determinação entre os participantes

A cidade de Avaré, SP, teve uma trilha sonora diferenciada neste último sábado, 09 – o hit principal foi ronco dos motores dos veículos, que estiveram alinhados no 20º Rally dos Amigos. Tradicionalmente, o evento é responsável pelo encerramento dos campeonatos brasileiros de Rally Cross Country e Rally Baja e, portanto, traz para si incríveis disputas dentro das trilhas. O parque de apoio esteve no Parque de Exposição Fernando Cruz Pimentel (Emapa)

Organizado pela Du Sachs Promoções e Eventos, o Rally dos Amigos alcançou os 20 anos de existência – uma conquista e tanto. “Tudo começou com a ideia de se fazer um rali de confraternização entre  pilotos e navegadores, onde os envolvidos não estavam (prioritariamente) preocupados com os resultados. As provas eram feitas em uma fazenda de laranja e nós saíamos de lá com sacos e sacos da fruta. Foram bons momentos, que jamais serão esquecidos”, recordou o diretor de prova, Du Sachs. “Logo, o Rally dos Amigos tomou maior proporção. Era fundamental a sua realização e a turma do rali começou a aumentar. Assim, nos tornamos a etapa final das temporadas”, contou.

Para registrar os 20 anos

Composto pelas categorias motos, quadriciclos, UTVs e carros, o Rally dos Amigos 2017 teve largada oficial às 9h10. E desta vez não choveu! Calor forte, tempo seco e 120 quilômetros de trecho cronometrado, por entre áreas de plantação de eucalipto e cana-de-açúcar. O terreno apresentou piçarras, cascalhos, erosões, lombadas, muitas curvas, setores estreitos e travados (trilhas), e, por fim, área de reta longa e aberta, que permitiu a alta velocidade.

O clima esquentou ainda mais com a disputa de gigantes travada entre as duplas André Miranda/Alison Pedroso e Glauber Fontoura/Minae Miyauti. Apenas três pontos separavam as duas equipes do título Brasileiro de Rally Cross Country da categoria Pró Brasil, portanto, era tudo ou nada para ambas. Mas, além de técnica e bom equipamento, também é preciso contar com a sorte e, hoje, ela não esteve a favor de Miranda e Pedroso que amargaram a quebra da direção hidráulica da picape. “Consequência: não tivemos chances de manter o mesmo ritmo de prova e parear com o Glauber dentro do trajeto”, lamentou o piloto. Desta forma, Fontoura e Minae levaram a melhor.

Já a vitória do Rally dos Amigos entre os carros foi de Lucas Moraes e Kaique Bentivoglio. Detalhe para o piloto, que retornou as trilhas depois de dois anos de ausência. “Desde 2015 que eu não competia”, reiterou Moraes. “Senti algumas dificuldades, como por exemplo, controlar o carro nas curvas e evitar a perda de tempo. Mas foi tudo perfeito. Eu e o Kaique sempre corremos juntos, e nosso entrosamento colaborou na busca por esse resultado. Agora, queremos nos preparar para voltar com tudo para a temporada 2018”, completou.

A briga pelo pódio da categoria UTV também foi bonita. Com apenas 12 segundos de vantagem, a dupla Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin conquistou o primeiro lugar, com Denísio Nascimento e Emilio Roquenbak  na segunda posição. “Estamos treinando para o Rally Dakar, onde competiremos a bordo de um UTV. Este veículo é muito bom para pilotar, pois podemos abusar mais da velocidade nos trechos travados (curvas). É um método diferente de pilotagem, o qual nos adaptamos muito bem. Parabenizamos o Du Sachs pelo Rally dos Amigos e demais promotores das outras etapas, pois sem esses guerreiros não teríamos campeonato brasileiro”, pontuou Varela.

Nas motos, o vencedor da etapa foi João Felipe, natural de Avaré, ou seja, ele representou muito bem a cidade anfitriã do Rally dos Amigos. “Apesar de eu ser da região, não conhecia as trilhas da disputa, pois são dentro de propriedades particulares. Foi uma prova bastante rápida, técnica e prazerosa”, falou Felipe.   

Finda a temporada 2017! E começa o planejamento para 2018… As etapas dos campeonatos Brasileiro de Rally Cross Country e Rally Baja já foram definidas, e o início será em Conceição do Mato Dentro, MG, nos dias 09 a 11 de março, com o 1º Rally Minas Brasil.

 

Resultado – 20º Rally dos Amigos

Categoria UTV

1º Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin, 01h52min47s

2º Denisio Nascimento e Emilio Roquenbak, 01h52min59s

3º Cristiano Batista, 01h54min16s

4º Otavio Leite, 01h56min03s

5º Edu Piano, 01h56min15s

 

Categoria Motos

1º João Fellipe, 02h03min24s

2º Fabrício Bianchini, 02h04min30s

3º João Paulo Pires Martins, 02h06min09s

4º Osmar Yuiti Shimosaka, 02h06min37s

5º Marcos Baumgart, 02h17min11s

 

Categoria Carros

1º Lucas Moraes e Kaique Bentivoglio, 01h51min10s

2º Michel Terpins e Alberto Andreotti Neto, 01h52min07s

3º Glauber Fontoura e Minae Miyauti, 01h52min51s

4º Marcos Moraes e Fábio Pedroso, 01h54min05s

5º Rodrigo Meinberg e Luis Felipe Eckel, 01h55min56s

 

O 20º Rally dos Amigos tem o apoio da Prefeitura da Estância Turística de Avaré, Vila Verde Hotel e Centro de Convenções, Mitsubishi Motorsports, FD Stands e Displays, e Made in Silk.

Supervisão: CBA – Confederação Brasileira de Automobilismo, CBM – Confederação Brasileira de Motociclismo, e FASP – Federação Paulista de Automobilismo

Organização: Du Sachs Promoções e Eventos

Promoção: Romagnolli Eventos